Liechtenstein

Choose the Language ↓ Escolha o Idioma

EnglishFrenchGermanSpainItalianDutch
RussianPortugueseJapaneseKoreanArabicChinese Simplified
 
 

Liechtenstein é um principado (mini país) que fica entre a Áustria e a Suíça. É o 6º menor país do mundo, com apenas 160 Km2. Tem 25 Km de comprimento e 12 Km de largura. A gente atravessa o país num piscar de olhos! 

  Liechtenstein é esse pontinho verde minúsculo no mapa!

 

Veja a lista dos Maiores e Menores países do mundo, leia AQUI

 

  • Liechtenstein significa "Pedra Clara"

  • Idioma do país: Alemão 

  • Pela população o país é chamado de Fürstentum Liechtenstein (Principado de Liechtenstein em alemão)

  • População: 38 mil habitantes (2020) 

  • 1/3 da população é estrangeira (alemães, suíços e austríacos)

  • Moeda: Franco Suíço (mas o Euro também é aceito).

  • Capital: Vaduz

  • Sistema de Governo: monarquia hereditária com base no parlamentarismo e na democracia.

  • Desde o século 15, o principado tem o mesmo território e é comandado pela mesma família, os Liechtenstein. 

 

Apesar de pequeno é um país muito rico e de altíssimo padrão sócio econômico. Liechtenstein é famoso pelos seus castelos medievais que ficam no meio das montanhas dos Alpes. 

   Foto: Istock/Zizar.

 

O país tornou-se independente do Sacro Império Romano-Germânico (976-1806) quando este foi desmembrado, em 1806. Daí vem as referências alemãs. 

 

O Castelo de Vaduz

A capital de Liechtenstein é Vaduz e nela fica o Castelo que é a residência oficial da família real. Ele fica em uma colina a 120 metros acima da cidade e podemos vê-lo de longe.

O Castelo de Vaduz é mencionado pela primeira vez em documentos que datam de 1322. O castelo passou a ser propriedade da família Liechtenstein em 1712. Desde então, o castelo foi restaurado e ampliado e em 1939 o Príncipe Franz Josef II mudou-se com sua família e adotou o Castelo de Vaduz como sua residência oficial. Hoje, quem está no comando do país é o seu filho, o Príncipe Hans Adam II. Infelizmente, o castelo é fechado para visitação. Mas podemos chegar até ele para apreciar a vista do Vale do Rio Reno.

 

A cidade de Vaduz

Em Vaduz há um centrinho cultural e financeiro, com comércio e lojas. A cidade é uma gracinha. Tem a praça da prefeitura, a catedral e 4 museus: Museu de Arte Contemporânea, Museu do Ski, do Selo e Museu Nacional, que conta a história da Família Real e do país. 

   A Prefeitura.

 

  A bandeira de Liechtenstein.

 

  Olha os Alpes lá no fundo!

 

Se não tiver tempo de visitar os museus, basta andar pela rua Städtle, ela já é um museu a céu aberto, cheia de esculturas pelo caminho. Caminhando pela cidade, a gente avista o castelo lá no alto. Uma beleza.

   Rua Städtle.

 

Fora as casinhas dos moradores que são uma obra-de-arte! A cidade é pequena e em meio dia dá pra visitar tudo.

A Igreja Católica é a religião oficial do país. Liechtenstein é um país maioritariamente cristão, onde 75% da população é católica, 15% é protestante e o restante de outras religiões.

A Casa Vermelha é um prédio do século 15 que hoje é a sede de uma das principais vinícolas do país.

  Foto: Site Próxima Trip.

 

Além de cereais, trigo, aveia, centeio e milho, o país cultiva frutas variadas, uva para vinhos e produz um ótimo queijo. Os pastos ocupam 33% do território. Nos últimos anos, Liechtenstein transformou-se em um país altamente industrializado, produtor têxtil, farmacêutico, de instrumentos de precisão, refrigeradores, próteses dentárias, conservas, entre outros. Olhando essas fotos nem parece né! É um país tão calmo! A gente quase nem vê gente nas ruas. 

Mas apesar de produzir bastante coisa, o território é pequeno. Então o país importa quase tudo o que consome. Mais de 90% da sua energia é importada. Inclusive, as matérias primas para a sua desenvolvidíssima indústria resultam da importação. Mas a sua poderosa indústria permite que as exportações superem eficazmente as importações. País rico né minha gente! Primeiro mundo!!!

Assim como na Suíça, Áustria e sul da Alemanha, Liechtenstein é um país rural, cheio de pequenas aldeias e paisagens bucólicas. Isso é comum na região dos Alpes. Bom, isso é fora da região industrializada né, lógico.

O turismo fica por conta das trilhas que atravessam os Alpes que atraem visitantes durante a primavera e verão. No inverno as pousadas ficam cheias de  pessoas que buscam as estações de Ski, parte forte dessa região.

Existe um grande estádio de futebol em Liechtenstein! O país é minúsculo mas possui 7 times que disputam campeonatos na Suíça. E quando o assunto é Olimpíadas de Inverno, o país arrasa! Já conquistou várias medalhas olímpicas nas mais diversas modalidades. 

Como não existe lugar perfeito no mundo, Liechtenstein tem um grande defeito: é uma das nações onde a prática de lavagem de dinheiro ocorre frequentemente. Essa característica o país herdou da vizinha Suíça.

  Grenze (fronteira) com a Suíça.

 

CURIOSIDADE: 

No final do século 19 e início do século 20, vários grupos de imigrantes de Liechtenstein radicaram-se no Brasil, inseridos na numerosa corrente de imigrantes austríacos que vieram para São Paulo, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

 

Leia também:

Suíça

Alemanha

Voltar para a Página Inicial do Blog

Ana Cassiano

Morei na Alemanha por 8 anos. Já visitei vários países de continentes diferentes. Sou Guia de Turismo em São Paulo, Escritora de Viagens e Colaboradora de Sites de Turismo.

MMorei na Alemanha por 8 anos. Já visitei vários países de continentes diferentes. Sou Guia de Turismo em São Paulo, Escritora de Viagens e Colaboradora de Sites de Turismo.orei na Alemanha por 8 anos. Já visitei vários países de continentes diferentes. Sou Guia de Turismo em São Paulo, Escritora de Viagens e Colaboradora de Sites de Turismo.